quinta-feira, 21 de março de 2013

Minhas Leituras Devocionais - Salmo 4

Neste salmo o rei Davi adora a Deus por suas respostas aos clamores, por lhe fazer justiça e lhe dar alívio na angústia. Por isso, afirma que o Senhor é misericordioso com ele e sempre lhe ouve as orações. Diante desta convicção de fé Davi fica perplexo com os poderosos, que menores que Deus,não agiam com misericórdia, mas atacavam a honra do rei com ilusões e mentiras, que eles tanto amavam. Davi os alerta de que o Senhor prefere os piedosos e sempre ouve os seus clamores. Outro alerta do rei é que ao se irarem, que tais homens não desse vazão a esse sentimento para não pecarem e que aguardassem a noite para refletirem e se acalmarem. O conselho de Davi continua relembrando a todos que o culto (sacrifício) deve ser oferecido conforme a prescrição divina e não conforme o desejo humano. Assim, devemos confiar no Senhor. É impressionante que as pessoas estavam interessadas no seu próprio bem e Davi confia que a luz do rosto do Senhor estava sobre ele, pois seu coração estava cheio de alegria e não por causa de bens materiais. Por isso ele dormia em paz e confiava na segurança do Senhor.